Make your own free website on Tripod.com

Ortodoxia 2000

Menu Ícones.
Clique no título para acessar Ícones de Cristo

Ícones de Cristo.



Clique no título para acessar Ícones da Mãe de Deus

Ícones Mãe de Deus.



Item Ícones dos Santos inativo

Ícones dos Santos.



Clique no título para acessar Ícones das Festas

Ícones das Festas.



Clique no título para retornar ao início de Ícones

Início Ícones.



Clique no título para retornar a página principal do site

Retorna Página Inicial.

Ícones das Festas

Índice de Ícones,
Click sobre os Ícones.
Ícone de Santa Ana Mãe da Virgem Maria
Acesse, clicando sobre este Ícone

As festas do Ano Litúrgico Bizantino dizem respeito a Nosso Senhor Jesus Cristo, a Mãe de Deus, aos anjos e santos. O calendário das festas litúrgicas bizantino tem seu início no dia 1º de setembro, início da indicação ou do novo ano. Conforme inscrição que abre o Minéon de setembro, que é justamente o primeiro volume dos 12 volumes que contém textos litúrgicos das festas com data invariável. A indicação, período de 15 anos usado no cômputo cronológico civil e eclesiástico a partir de 312 d.C., começava em 1º de setembro. Durante o I Concílio de Nicéia(325) fixou o dia 1º setembro como início do novo ano, relacionando-o ao dia em que Constantino, sob o sinal da Cruz, derrotou Maxêncio, concedendo em seguida a liberdade aos cristãos. A coleção de livros litúrgicos é chamado de Minéa: conjunto de doze volumes, um para cada mês do ano. Há um software que trás o calendário litúrgico ortodoxo bizantino em inglês chamado Menologion(veja na seção Links deste site).

[Fonte: O Ano Litúrgico Bizantino - Madre Maria Donadeo - Editora Ave Maria, por Elder Sandim]

No dia 8 de setembro comemoramos a natividade da Santíssima Mãe de Deus e sempre Virgem Maria. Em 9 de dezembro a concepção de Santa Ana Mãe de Theotókos, em 25 de dezembro (segundo calendário gregoriano) comemoramos o nascimento de Jesus Cristo segundo a carne ou Festa da Natividade de Nosso Senhor Jesus Cristo e a Adoração dos reis magos. Vale ressaltar que as Igrejas Ortodoxas que adotam o calendário juliano(antigo calendário) comemoram o Natal no dia 07 de janeiro, com 13 dias de atraso, entre as quais a Igreja Ortodoxa Russa e outras adota este calendário.


Natividade de Jesus Cristo - (Lucas 2, 4-14).

Nascimento de Jesus ...4 José também subiu da cidade de Nazaré, na Galiléia, à cidade de David, que se chama Belém, na Judéia, porque era da família e da descendência de David, 5 para se fazer recensear com Maria, sua esposa, que estava grávida. 6 Ora, enquanto lá estavam, chegou o dia em que ela devia dar à luz; 7ela deu à luz o seu filho primogênito, envolveu-o em faixas e o deitou em uma manjedoura, porque não havia lugar para eles na sala de hóspedes. 8 Havia na mesma região pastores, que viviam nos campos e montavam guarda durante a noite junto a seu rebanho, 9 Um anjo do Senhor se apresentou diante deles , a glória do Senhor os envolveu de luz e eles ficaram tomados de grande temor. 10 O anjo lhes disse: "Não tenhais medo, pois eis que eu venho anuncia-vos uma boa nova, que será grande alegria para todo o povo: 11 Nasceu-vos hoje, na cidade de David, um Salvador, que é o Cristo Senhor, 12 e eis o sinal que vos é dado: achareis um recém-nascido envolto em faixas e deitado numa manjedoura". 13 De repente, apareceu uma multidão da milícia celeste que cantava os louvores de Deus e dizia: 14 "Glória a Deus no mais alto dos céus e sobre a terra paz para os seus bem-amados".

Bíblia Sagrada - TEB-Tradução Ecumênica da Bíblia - Editora Loyola.



Adoração dos Reis Magos (Mateus 2, 1-12).

01 Tendo Jesus nascido, em Belém da Judéia, no tempo do rei Herodes, eis que os magos vindos do Oriente chegaram a Jerusalém 02 e perguntaram: "Onde está o rei dos judeus que acaba de nascer? Vimos o seu astro no oriente e viemos prestar-lhe homenagem". 03 A esta notícia, o rei Herodes ficou pertubado, e toda Jerusalém com ele. 04 Reuniu todos os sumos sacerdotes e os escribas do povo, e inquiriu deles o lugar onde o Messias devia nascer. 05 Em Belém da Judéia, disseram-lhes eles, pois é isto o que foi escrito pelo profeta: 06 E tu Belém, terra de Judá, não és decerto a menos importante das sedes distritais de Judá: pois é de ti que sairá o chefe que apascentarás Israel, meu povo". 07 Então Herodes mandou chamar secretamente os magos, inquiriu deles a época exata em que aparecera o astro, 08 e os enviou a Belém dizendo: "Ide informar-vos com exatidão acerca do menino: e, quando o tiverdes encontrado, avisai-me para que também eu vá prestar-lhe homenagem". 09 A estas palavras do rei, eles se puseram a caminho, e eis que o astro que tinham visto no orientes avançava à sua frente até parar em cima do lugar onde estava o menino. 10 À vista do astro, sentiram uma alegria muito grande. 11 Entrando na casa, viram o menino com Maria, sua mãe, e prostando-se, prestaram-lhe homenagem; abrindo seus escrínios, ofereceram-lhe por presente ouro, incenso e mirra. 12 Depois, divinamente avisados em sonho de que não tornassem a ir ter com Herodes, retiraram-se para sua pátria por outro caminho.

s Nota de rodapé bíblia: Acerca da expressão no oriente cf.2.2 nota. Este astro não corresponde aos astros que conforme o modo de pensar antigo, não raro, determinavam o destino dos heróis. De preferência, é o astro que, da parte de Deus, designa Jesus à adoração dos magos como rei messiânico (conforme: Números 24,17 - 17 Eu o vejo, mas não é para agora: observo-o, mas não de perto: De Jacó sobe uma estrela, de Israel surge um cetro que esmaga as têmporas de Moab e dizima todos os filhos Shet).

Bíblia Sagrada - TEB-Tradução Ecumênica da Bíblia - Editora Loyola.


Quem somos | Retorna a página inicial | Contate nos | ©2002-2006 - Ortodoxia2000


| Página atualizada em 16 de fevereiro de 2006 |